renerprene.com.br

3 etapas para o elastômero perfeito na sua produção

3 etapas para o elastômero perfeito na sua produção

Sabe aquela dor de cabeça quando a vedação de um equipamento falha? Pois é muito mais comum do que possa imaginar. Aqui, listamos 3 etapas na busca do elastômero perfeito para sua produção.

Afinal, ter uma vedação perfeita é indispensável e ainda evitará riscos para os equipamentos e toda sua produção.

Um texto para te ajudar na escolha da sua vedação perfeita.

Boa leitura!

1ª Etapa: Identificar o elastômero perfeito para sua produção

Em primeiro lugar é preciso identificar o tipo de vedação, medidas e flexibilidade em borracha para ter um bom encaixe no seu equipamento de produção.

Isso porque para cada segmento, usa-se um tipo de matéria-prima, e  deve ter uma boa combinação de borracha para não interferir na produção.

Além disso, entender as medidas exatas e flexibilidade ideal de cada borracha para cada indústria, fará diferença para não permitir vasão.

Por fim, saber se existe alguma norma da categoria a ser seguida, e dessa forma atendê-la à risca.

Geralmente, cada segmento industrial tem suas diretrizes, e os fabricantes de vedações tem que supri-las.

Caso não haja norma ou procedimento, deve-se entender o tipo, desenho e medida que melhor se encaixa no maquinário. Dessa forma, possivelmente, terá o elastômero perfeito.

Partiu 2ª. Etapa?

2ª Etapa: aplicação no elastômero perfeito para sua produção

Agora, após identificado o tipo de vedação é hora de escolher o material que será aplicado na fabricação do elastômero.

O material precisa ser escolhido segundo o produto que será fabricado, isto é, para cada segmento industrial haverá uma aplicação ideal da borracha.

Também deve ser considerado temperaturas e contato com a natureza.

Por exemplo, o produto que passa pelas vedações em uma indústria cervejeira é bem diferente do produto que passa pelas vedações em uma indústria de jateamento e pintura.

Outro exemplo, o maquinário que fica exposto às temperaturas altas difere dos maquinários que tem contato com temperaturas muito baixas.

Bem como os equipamentos com contatos as temperaturas diversas da natureza e aqueles que ficam num galpão.

Ou seja, escolha do material é feita de acordo com produto a ser fabricado, característica do equipamento e as temperaturas.

3ª Etapa: Pesquisar um fornecedor

Identificado o tipo de vedação e a escolha da aplicação ideal no elastômero, partimos para a etapa de pesquisa de fornecedores.

Essa etapa assim como as outras é muito importante.  Afinal, um parceiro precisa cumprir no mínimo os itens abaixo:

  1. Agilidade;
  2. Competência;
  3. Organização;
  4. Inovação
  5. Compromisso;
  6. Confiança

Portanto, a pesquisa deve ser feita detalhadamente, pois é preciso verificar se o fornecedor escolhido atende, no mínimo, os requisitos acima.

Ao mesmo tempo, atender as normas exigidas pela indústria contratante, como dito na 1ª. etapa.

Assim, é importantíssimo que a escolha seja bem-feita, pois uma má escolha no fornecedor pode acarretar prejuízos para sua produção.

Definitivamente, se todas as etapas forem seguidas, desde a identificação da vedação, passando pela aplicação e chegando ao fornecedor, dificilmente, terá dores de cabeça com as vedações.

E por esse motivo, deixo aqui uma dica, nós aqui da Rener Prene podemos te auxiliar com a vedação perfeita para sua linha de produção.

Mas, como assim?

  • Entendemos a necessidade do seu negócio;
  • Trabalhamos com material de alta qualidade e certificados;
  • E, temos mais de 20 anos de mercado.

Além disso, nosso know-how nos ramos alimentícios, laticínios, vinícola, químicos, nos permite atender com eficiência e eficácia a todos.

Entre em contato para conhecer nossos produtos.

Será um prazer te ajudar!

Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.


Em que podemos te ajudar?